MOTOTRBO é a revolução da comunicação via rádio

Rádios comunicadores com funções nunca antes imaginadas

Num simples apertar de botão, conversar com um funcionário em qualquer lugar do mundo. Na tela do computador, ter a localização exata de toda a sua frota de veículos. Num toque de botão do rádio, abrir e fechar portas, cofres, portões… Ao final do dia, ter acesso a toda a comunicação efetuada através do sistema de rádio e ter a opção de imprimir relatórios informando essas comunicações e as operações feitas através dos rádios. Essas são apenas quatro das inúmeras funcionalidades oferecidas pelos rádios digitais de comunicação da linha MOTOTRBO.

Lançada no ano passado, essa linha de produtos veio para atender as demandas especificas do mercado de rádiocomunicação e as novas exigências da Anatel. Através de resolução específica, o órgão regulador das comunicações no país decidiu não renovar ou deferir autorizações de funcionamento para sistemas analógicos a partir de dezembro de 2012.

Muito mais do que proporcionar comunicação imediata entre os colaboradores de uma empresa, os rádios digitais MOTOTRBO oferecem soluções para demandas específicas de cada empresa e segmento. Conectados à internet e gerenciados pelo de computador, através do software SmartPTT, esses rádios se tornam ferramentas indispensáveis para qualquer companhia, provocando redução de custos operacionais, otimizando processos internos e, consequentemente, aumentando os lucros.

Eletronicamente, esses produtos já carregam benefícios antes nunca imaginados nos sistemas analógicos. Integrados ao computador, os diferenciais desses rádios ultrapassam os limites da nossa imaginação.

Confira abaixo as vantagens eletrônicas dos rádios MOTOTRBO e saiba o que ele é capaz de fazer quando utilizado em conjunto com o software SmartPTT.


Vantagens eletrônicas do MOTOTRBO

• Transmissão digital – qualidade de áudio infnitamente superior em relação ao sistema analógico.

• Supressor de ruído – transmissão da voz do operador com eliminação de ruídos alheios a comunicação.

• Controle automático de ganho – equalização automatica do volume da transmissão. Caso o operador fale baixo, o rádio transmite a fala com som audível para o receptor.

• Comunicação limpa até o limite da área de cobertura – diferente da transmissão analógica, que perde qualidade gradativamente, a medida que o rádio se distancia da repetidora, a qualidade da transmissão digital não decai em função da distância. Ela se mantém limpa até o limite da área de cobertura.

• Microfones com maior sensitividade (tecnologia IMPRES) – menor variação na saída do áudio e maior qualidade na propagação do som

• Dobro da capacidade de transmissão com uma frequência – um repetidor digital vale por dois analógicos, podendo transmitir duas comunicações simultâneas sem que o canal fique ocupado

• Encriptação – permite que a transmissão não seja interceptada, pois utiliza código de última geração

• Chamadas em grupo – áudio aberto a todos os usuários. Um operador fala e todos aqueles que possuírem rádio escutam a conversa

• Chamadas privativas – comunicação pessoa a pessoa. Dentro do grupo o operador pode optar em fazer contato particular com um usuário específco, sem que os outros ouçam

• Chamadas coletivas – comunicação para membros específcos do grupo. Do conjunto de trabalhadores da Secretaria de Obras, posso escolher os três responsáveis em tapar buracos e me comunicar exclusivamente com os três, sem que o restante dos funcionários ouça a conversa

• PTT-ID – identifcação de rádios por números ou nomes, para facilitar chamadas privadas ou em grupo

• Inibição de rádio – desativação remota em caso de roubo. O operador aciona comando desligando o rádio remotamente. Assim ele fica inoperante e a comunicação da empresa não pode ser monitorada pelo ladrão

• Monitoramento remoto – em caso de necessidade, o supervisor pode abrir o microfone de seu funcionário e ouvir o que ele está conversando, sem que este perceba. Recurso utilizado quando o funcionário “some” e não responde aos chamados

• Verificação de rádio – o supervisor pode constatar se o rádio de um funcionário está ligado e dentro da área de cobertura enviando um sinal e recebendo resposta automática do rádio chamado

• Chamada alerta – rádio emite sinal sonoro que só para quando o destinatário responde

• Emergência digital – botão configurado para enviar mensagem pré-estabelecida através de um simples toque

• Telemetria básica – permite que o rádio interprete, traduza mensagens e as transforme em ações (abertura e fechamento de portão/desligamento de carro/trancamento de cofre/etc.)

• Mensagens de texto – agilidade no envio de mensagens, quando é necessário comunicação rápida, sem necessidade de voz

• Acessórios inteligentes – tecnologia impress. Reduz consumo de energia e aumenta capacidade e vida útil da bateria (eliminação de efeito memória)

• Tecnologia IP 57 – aparelhos a prova de choque e submersíveis em água

• Intelegibilidade – menus intuitivos

• Carregamento rápido – carga da bateria completa em 3 horas.


Vantagens agregadas pelo SmartPTT

• Localização – GPS integrado ao rádio. O supervisor pode monitorar todos os carros da sua frota direto na tela do computador. Além disso ele pode traçar mapas de atuação de cada carro e ser avisado caso o funcionário saia da sua rota ou espaço de trabalho

• Controle total da frota de rádios – na tela do computador, o supervisor pode verifcar se o funcionário está com o rádio ligado e dentro da área de cobertura do sistema

• Comunicação em qualquer parte do mundo – caso o supervisor esteja viajando, mas mesmo assim deseja analisar a produtividade e dar ordens aos seus funcionários, basta ele se conectar à internet e ajustar seu IP. A partir daí, estando em qualquer lugar do mundo, ele pode conversar, através do computador, com os funcionários que utilizam rádio. Do mesmo modo, ele pode fiscalizar o GPS e ter acesso a todas as outras funções, já que a estação repetidora digital de radiocomunicação é capaz de fazer link via internet

• Gravação de comunicação – tudo o que é feito através do sistema de rádio é gravado e armazenado pelo software. Transmissões de voz, comandos de dados, mensagens enviadas, etc…

• Geração de relatórios – o próprio software gera planilha com os registros armazenados (confgurável dia/semana/mês/ano…)

• Envio de mensagens de texto fora do sistema de rádio – é possível configurar o sistema para envio de mensagens a celulares e até mesmo a endereços de e-mail

• Conectividade IP – interligação de sistemas via internet. Empresa com sede em São Paulo pode controlar e conversar, da sede, com fliais (frotas e funcionários) em outras cidades ou países utilizando a internet

• Telemetria avançada – configuração de funções mais avançadas de automação

• Personalização – o programa para desenvolvimento de aplicações da Motorola permite criar ou ajustar aplicações existentes a necessidades especiífcas

• Eliminação rádios fixos – a função da fixa do sistema digital é feita através do computador

Fonte: http://www.underbid.com.br/index.php?option=com_content&task=view&id=82

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s